Auxílio Emergencial: Caixa paga última parcela a 3,2 milhões nesta segunda-feira

A Caixa Econômica Federal (CEF) paga nesta segunda-feira (28) a última parcela do Auxílio Emergencial a 3,2 milhões de trabalhadores.

Os pagamentos serão para trabalhadores nascidos em novembro, que não fazem parte do Bolsa Família: 3,2 milhões vão receber uma parcela do Auxílio Emergencial extensão, de R$ 300; enquanto outros cerca de 50 mil ainda vão receber a parcela de R$ 600. O calendário para beneficiários deste grupo vai até esta terça-feira, 29 de dezembro.

Para os trabalhadores do Bolsa Família, os pagamentos da última parcela do auxílio emergencial se encerraram em 23 de dezembro. A partir de janeiro, esse público volta a receber o bolsa.

A ajuda paga nesta segunda será creditada em conta poupança social digital da Caixa, que poderá ser usada inicialmente para pagamento de contas e compras por meio do cartão virtual. Saques e transferências para quem receber o crédito nesta segunda serão liberados no dia 25 de janeiro.

VEJA QUEM RECEBE NESTA SEGUNDA:

Cerca de 50,3 mil trabalhadores do Cadastro Único e inscritos via site e app, nascidos em novembro:

– aprovados que receberam 4 parcelas recebem a última parcela de R$ 600
– aprovados que receberam de 1 a 3 parcelas recebem parcelas de R$ 600 restantes até a 5ª

3,2 milhões de trabalhadores do Cadastro Único e inscritos via site e app, nascidos em novembro:

– aprovados que já receberam todas as parcelas de R$ 600 (e qualquer número de parcelas de R$ 300) recebem a última parcela de R$ 300

Os trabalhadores podem consultar a situação do benefício pelo aplicativo do auxílio emergencial ou pelo site auxilio.caixa.gov.br.

 

 

 

IG

Assine nosso boletim de notícias

Receba gratuitamente em seu email todas as notícias que acontecem no vale do Piancó, na Paraíba e no mundo, assine já, é grátis, digite seu melhor e-mail no compo abaixo e click no botão Assinar.

Falta pouco

Confirme sua assinatura gratuita seguindos o passo a passo abaixo:

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *