Camilo Santana e Sarto anunciam lockdown em Fortaleza a partir de sexta

O governador do Ceará, Camilo Santana (PT), e o prefeito de Fortaleza,  José Sarto (PDT), anunciaram na noite desta quarta-feira, 3, um novo lockdown na capital cearense, com  isolamento social rígido, com proibição do funcionamento de comércio e serviços não essenciais. O lockdown valerá por 14 dias e entrará em vigor na próxima sexta-feira, 5.

O governador petista ainda recomendou aos municípios em estado grave de transmissão do coronavírus que também adotem a medida. Segundo Camilo, a decisão foi tomada após um dia inteiro de reuniões com o comitê que decide ações contra Covid-19 e com o setor produtivo.

“A única forma que nós temos hoje de evitar esse crescimento, de proteger a vida dos cearenses, sei que não é uma decisão fácil, mas vamos anunciar que estamos fazendo o isolamento social rígido aqui na capital cearense a partir de sexta-feira, de meia-noite de quinta pra sexta, por 14 dias. Duas semanas, que é o ciclo que a gente consegue reverter o ciclo”, comentou o governador.

Sarto e Santana anunciaram a decisão em transmissão ao vivo junto ao  secretário da Saúde, Carlos Roberto Martins Rodrigues Sobrinho, que destacou a importância da realização do lockdown para conter a propagação do novo coronavírus.

A medida vem logo após um estudo feito por pesquisadores da Universidade Estadual do Ceará (Uece), que prevê um novo pico de casos e óbitos por Covid-19 no estado entre os dias 12 e 22 de março.

Covid-19 avança no Ceará

Fortaleza tem 10 hospitais com 100% de ocupação dos leitos de UTIs, mas a ocupação média na capital é de 91,23%. Segundo a Secretaria Estadual da Saúde (Sesa), o Ceará chegou a 434.154 casos confirmados de Covid-19, enquanto os óbitos somam 11.432.

“O crescimento de casos têm ocorrido numa velocidade muito grande, acima do processo de abertura de novos leitos, tanto da rede pública quanto na rede privada. Nossas equipes continuam empenhadas em abrir mais leitos, além dos mais de 3 mil já abertos, e lutando pela aquisição de mais vacinas para acelerar o processo de imunização da nossa população”, disse Camilo.

Desde 27 de fevereiro, já existe no estado um toque de recolher a partir das 20 horas. Já haviam decretado lockdown no Ceará os municípios de Pentecoste, Palhano, Meruoca, Mombaça e Santa Quitéria.

Recorde de mortes no Brasil

O Brasil vive seu pior momento da pandemia da Covid-19. Relatório do Conselho Nacional de Secretários de Saúde divulgado às 18h registra 1.910 por Covid-19 nas últimas 24 horas, fazendo desta quarta o dia mais letal desde o início da pandemia, muito acima da marca registrada ontem. O Ministério da Saúde confirmou o número de mortes.

Os números do Conass informam ainda que o Brasil chegou a 259.271 mil mortos e que tem 10.718.630 milhões de pessoas infectadas com coronavírus. Foram 71.704 mil novos casos no último dia.

Nesta terça, o mesmo Conselho registrou 1.641 mortes em apenas um dia, que havia sido até então o mais letal da pandemia. Pouco depois, o consórcio dos veículos de imprensa divulgou um número ainda maior: 1.726.

 

 

Brasil 247

Assine nosso boletim de notícias

Receba gratuitamente em seu email todas as notícias que acontecem no vale do Piancó, na Paraíba e no mundo, assine já, é grátis, digite seu melhor e-mail no compo abaixo e click no botão Assinar.

Falta pouco

Confirme sua assinatura gratuita seguindos o passo a passo abaixo:

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *