Cargas irregulares de feijão, peles de caprino, ovino e alho são apreendidas

A Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz-PB) realizou uma série de ações fiscais que apreendeu cargas com feijão, peles de caprino e ovino e de alho com irregularidades avaliadas em R$ 500 mil. A ação foi coordenada pelo supervisor fiscal Cândido Rondon da equipe de fiscalização do Comando Fiscal da 3ª Gerência Regional da Sefaz-PB, em Campina Grande.

 

A primeira ação aconteceu no interior de uma empresa de cereais com uma abordagem de uma carreta carregada com 21 toneladas de feijão, que estava sem nota fiscal. Outra ação foi uma abordagem de um veículo que transportava mercadorias de uma empresa atacadista que apresentou notas fiscais vencidas. A terceira apreensão foi na abordagem de caminhão transportando cinco mil peles de caprinos e ovinos sem nota fiscal. A quarta ação foi uma abordagem de um caminhão, que transportava 18 toneladas de alho com nota fiscal inidônea e descarregando, na zona rural de Campina Grande. Outras abordagens do Comando Fiscal da 3ª Gerência Regional da Sefaz-PB decorrentes de mercadorias, como estivas e artigos para festa sem nota fiscal e com nota fiscal inidônea, foram também apreendidas para cobranças de tributo com multa.

 

“Essa série de ações fiscais que realizamos em diversos pontos e áreas da 3ª Gerência Regional da Sefaz-PB, que resultaram em cobrança de tributo e de multa no valor de R$ 135 mil, mostra que as equipes do Comando Fiscal e de Fiscalização de Mercadoria em Trânsito estão atentas para coibir a circulação de mercadoria com documentação inidônea, pendente de regularidade ou sem nota fiscal, com o objetivo de combater a sonegação fiscal e a concorrência desleal na região”, comentou o gerente Regional da 3ª Gerência Regional da Sefaz-PB, Arnon Diniz.

 

 

Wscom

Assine nosso boletim de notícias

Receba gratuitamente em seu email todas as notícias que acontecem no vale do Piancó, na Paraíba e no mundo, assine já, é grátis, digite seu melhor e-mail no compo abaixo e click no botão Assinar.

Falta pouco

Confirme sua assinatura gratuita seguindos o passo a passo abaixo:

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *