Cejusc de Piancó homologa acordo de R$ 930 mil entre município de Olho D´Água e Sindicato dos Servidores

O Município de Olho D´água firmou o compromisso junto ao Sindicato dos Servidores Públicos de Patos e Região para regularizar, em até 30 dias, o pagamento referente aos meses de novembro e dezembro, bem como a parcela do 13º salário,  aos servidores municipais. O acordo foi homologado em audiência de conciliação por videoconferência, realizada na manhã desta sexta-feira (15), pelo Cejusc de Piancó, conduzida pelo juiz da Comarca, Pedro Davi Alves de Vasconcelos.

De acordo com o magistrado, o ex-gestor municipal deixou de efetuar o pagamento dos servidores relacionados aos períodos já citados. Um dia antes do recesso forense, o Sindicato entrou com uma ação, pleiteando o bloqueio de R$ 930 mil da Prefeitura – pedido deferido pelo juiz.

Ao entrar em exercício, a nova gestão compareceu à audiência marcada e, após as tratativas, se comprometeu a regularizar a situação dos vencimentos em atraso, com as verbas que foram bloqueadas. No entanto, solicitou o prazo de 30 dias para análise de dados, a fim de evitar duplicidade de pagamentos, tendo em vista que a antiga administração realizou a regularização de alguns salários e outros, não.

“Foi um acordo de grande importância para a região. Muita gente deixou de receber, o comércio local está prejudicado, pois o interior depende muito da Prefeitura. Agora, o Município tem 30 dias para apresentar a folha de pagamento e regularizar a situação”, disse o juiz.

 

 

 

 

Vale do Piancó Notícias

Assine nosso boletim de notícias

Receba gratuitamente em seu email todas as notícias que acontecem no vale do Piancó, na Paraíba e no mundo, assine já, é grátis, digite seu melhor e-mail no compo abaixo e click no botão Assinar.

Falta pouco

Confirme sua assinatura gratuita seguindos o passo a passo abaixo:

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *