Com alta na rejeição, Bolsonaro tem 26% dos votos, contra 38% de Lula

Pesquisa XP/Ipespe divulgada nesta quinta-feira (8) mostra que Bolsonaro tem 26% das intenções de voto para a presidência da República em 2022, contra 38% de Lula.

A rodada de julho aponta que o ex-presidente mantém a trajetória de crescimento. A distância entre Bolsonaro e o petista, que era de quatro pontos percentuais em junho, agora está em 12 pontos percentuais.

Em simulações de segundo turno, Lula ampliou a vantagem sobre Bolsonaro e atingiu 49%, contra 35% do atual presidente.

Entre outros nomes, aparecem Ciro Gomes (10%), Sérgio Moro (9%), Mandetta (3%), João Doria (2%) e Guilherme Boulos (2%).

Em um cenário alternativo, em que Doria é substituído por Eduardo Leite, do mesmo partido, o governador do Rio Grande do Sul vai a 4%.

Nesse mesmo cenário, Moro é substituído por Datena, que pontua 4%. A liderança permanece com o ex-presidente Lula, com 35% – 8 pontos à frente de Bolsonaro, que tem 27%.

A pesquisa da XP mostrou, ainda, que a rejeição ao governo Bolsonaro é crescente.

Desde outubro, quando atingiu seu menor patamar recente, o grupo dos que consideram o governo ruim ou péssimo passou de 31% para os 52% — o maior número desde o início do governo.

No mesmo período, os que avaliam o governo como bom ou ótimo saíram de 39% para 25%.

Foram realizadas 1.000 entrevistas, de abrangência nacional, nos dias 5, 6 e 7 de julho. A margem de erro é de 3,2 pontos percentuais.

 

 

Veja

Assine nosso boletim de notícias

Receba gratuitamente em seu email todas as notícias que acontecem no vale do Piancó, na Paraíba e no mundo, assine já, é grátis, digite seu melhor e-mail no compo abaixo e click no botão Assinar.

Falta pouco

Confirme sua assinatura gratuita seguindos o passo a passo abaixo:

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *