Dólar tem maior alta diária desde março de 2020 e acumula avanço semanal de 2,33%

O dólar fechou em alta de 4,04%, cotado a R$ 4,8061, nesta sexta-feira (22), na maior alta diária desde março de 2020, início da pandemia da Covid-19. Na semana, o avanço foi de 2,33%.

O resultado foi impulsonado globalmente por apostas em maior agressividade do banco central dos Estados Unidos no ritmo de alta de juros, enquanto o noticiário político local elevava a cautela de investidores.

Com o resultado desta sexta, o dólar agora acumula alta de 0,99% na parcial do mês e queda de 13,79% no ano. Veja mais cotações. Na máxima do dia, bateu R$ 4,8391.

Já o Ibovespa caiu 2,86%, a 111.078 pontos.

 

IG

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.