Homem de 51 anos é morto a golpe de faca em Itaporanga

O assassinato foi na noite dessa quarta-feira, 7, entre o conjunto Chagas Soares e a Vila Mocó. Francisco de Assis da Silva, conhecido como Nem Violeiro, de 51 anos, foi morto a facadas. O sonho de ser repentista explica seu apelido.

O homem residia na Vila e sofreu perfurações na barriga, tendo morte imediata. Nem sofria de alcoolismo, que é considerado uma doença, e passou vários anos preso com base na Lei Maria da Penha. Separado da companheira por um histórico de violência e ameaça, toda vez que bebia tentava aproximar-se da casa da ex-mulher e terminava preso

A motivação do crime ainda está sendo apurada pelo delegado José Pereira, mas já há um suspeito do homicídio. Depois do trabalho pericial, o corpo foi encaminhado a Patos para exame necrológico e deverá ser sepultado hoje

 

 

 

Folha do Vale

Assine nosso boletim de notícias

Receba gratuitamente em seu email todas as notícias que acontecem no vale do Piancó, na Paraíba e no mundo, assine já, é grátis, digite seu melhor e-mail no compo abaixo e click no botão Assinar.

Falta pouco

Confirme sua assinatura gratuita seguindos o passo a passo abaixo:

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *