João Azevêdo defende ‘luta pela democracia’ e autonomia dos poderes, instituições e da imprensa, em mensagem de 7 de setembro

Em mensagem publicada em suas redes sociais, na manhã desta terça-feira (7), o governador João Azevêdo (Cidadania) abordou a importância da celebração do Dia da Independência do Brasil e destacou a importância de se manter a autonomia das instituições, poderes constituídos e da imprensa, como forma de se garantir a democracia.

A mensagem do governador destacando a independência dos poderes é simbólica, publicada no dia em que manifestações foram convocadas por grupos de militantes políticos para ocorrer em todo o país, inclusive na Paraíba, com palavras de ordem e ameaças contra a autonomia do Supremo Tribunal Federal (STF) e do Congresso Nacional.

“Este é um 7 de setembro muito emblemático. Além de comemorar a Independência do Brasil, precisamos entender a importância de outras independências para o nosso país. Necessitamos de instituições e poderes independentes, autônomos, que garantam o pleno estado democrático”, postou João Azevêdo.

“Precisamos de uma imprensa independente, que tenha liberdade para informar e noticiar a verdade. Queremos um país livre de preconceitos, da cultura de ódio que se dissemina pela internet e com oportunidades para todos”, complementou.

“Trabalhamos por uma Paraíba independente, que ande com suas próprias pernas, caminhando para uma retomada de desenvolvimento. Acreditamos na ciência, no trabalho e na presença de um estado que cuida, que acolhe, que incentiva e que apoia. Queremos um país onde as cores, a bandeira, o hino, nossos símbolos, representem todas e todos. A democracia é um bem pelo qual vale continuar lutando. Viva a independência”, concluiu.

 

 

 

Assine nosso boletim de notícias

Receba gratuitamente em seu email todas as notícias que acontecem no vale do Piancó, na Paraíba e no mundo, assine já, é grátis, digite seu melhor e-mail no compo abaixo e click no botão Assinar.

Falta pouco

Confirme sua assinatura gratuita seguindos o passo a passo abaixo:

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *