João Azevêdo vai recorrer à Justiça contra municípios que editaram medidas flexíveis

O governador da Paraíba, João Azevêdo, declarou que irá recorrer à Justiça contra municípios que editaram medidas flexíveis. Diante do recrudescimento da pandemia de coronavírus, o Governo Estadual publicou, na última quarta-feira (10) no Diário Oficial do Estado (DOE), um novo decreto com o objetivo de evitar aglomerações de pessoas e conter a disseminação da Covid-19 no estado. Algumas cidades, a exemplo de Campina Grande, realizaram a edição de decretos menos rígidos em seus municípios, mesmo diante da recomendação dos Ministérios Públicos para o cumprimento das medidas estaduais.

“Estamos preparando a documentação e vamos entrar na Justiça para evitar o descumprimento das medidas do Decreto Estadual nos municípios da Paraíba que editaram decretos mais flexíveis, com medidas de menor rigor”, afirmou João Azevêdo em entrevista ao programa Correio Debate nesta sexta-feira (12).

Além de Campina Grande, onde o prefeito Bruno Cunha Lima descumpriu a recomendação do MPs e publicou medidas mais flexíveis, no interior do estado foi criado um Consórcio de prefeitos, com gestores de cidades da Paraíba e do Rio grande do Norte, que decidiram se reunir para criar um decreto único com o objetivo de atender, segundo eles, as necessidades específicas da região. De acordo com o presidente do grupo, o prefeito Neto Nepomuceno, de Barra de Santa Rosa, “editamos um decreto de acordo com a necessidade da nossa região tendo em vista que não temos mais o auxílio emergencial e nem temos condições financeiras de oferecer nenhum socorro emergencial para a população. O comércio é a principal atividade econômica nas nossas cidades e não podemos tirar o pão da mesa dos cidadãos”, declarou o prefeito.

 

Wscom

Assine nosso boletim de notícias

Receba gratuitamente em seu email todas as notícias que acontecem no vale do Piancó, na Paraíba e no mundo, assine já, é grátis, digite seu melhor e-mail no compo abaixo e click no botão Assinar.

Falta pouco

Confirme sua assinatura gratuita seguindos o passo a passo abaixo:

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *