Mais de 770 municípios se cadastraram para receber ajuda da União no custeio das gratuidades dos idosos

Terminou na última sexta-feira (9) o prazo para as cidades se cadastrarem para receber parte dos R$ 2,5 bilhões do Governo Federal destinados a ajudar no custeio das gratuidades para idosos com 65 anos ou mais nos sistemas de ônibus, trens e metrôs.

De acordo com a FNP (Frente Nacional de Prefeitos), 777 cidades se inscreveram na plataforma +Brasil. Entre elas, estão todas as capitais. Ainda segundo a entidade, somadas, estas cidades reúnem 84% da população idosa brasileira (13,5 milhões de idosos).

Apenas 24 dos 415 municípios com mais de 80 mil habitantes que tinham direito não acessaram a plataforma. Desses 24, a FNP diz que não conseguiu entrar em contato diretamente com 14. Para a entidade, os números evidenciam grande adesão dos municípios que possuem sistema de transporte público.

Agora, todas as informações enviadas o Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) tem até 16 de setembro para concluir a análise. Os cálculos dos valores que cada cidade vai receber devem estar concluídos até 21 de dezembro de 2022.

Os primeiros recursos, de acordo com o Ministério, devem ser liberados em 30 de setembro de 2022. O dinheiro será pago até 31 de dezembro de 2022.

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.