Manoel Ludgério decide sair do PSD após Daniella Ribeiro assumir comando do partido na Paraíba

Assim como fez o ex-prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, e o deputado federal Patrick Dorneles, o deputado estadual Manoel Ludgério decidiu deixar do PSD. A informação foi confirmada pelo parlamentar ao jornalista Gutemberg Cardoso durante o programa Arapuan Verdade, da Arapuan FM, nesta sexta-feira (1º).

A mudança ocorre pela mesma motivação da saída de Romero e Patrick: a troca do comando do partido na Paraíba que passa a ser da senadora Daniella Ribeiro. Em uma transmissão ao vivo nas redes sociais, Ludgério classificou a vinda da parlamentar como uma “intervenção mal-educada” do PSD.

O parlamentar, no entanto, ainda não definiu para qual partido irá migrar. O período da janela partidária se encerra amanhã (2). Manoel Ludgério é pré-candidato à reeleição a uma vaga na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB).

“Lamentavelmente, tivemos a surpresa desagradável da intervenção do partido. Ou seja, o partido foi tomado de nossas mãos de forma mal-educada, desrespeitosa e deselegante em um movimento brusco desatencioso da família Ribeiro. Até o final do dia, nós vamos escolher um caminho partidário que eu possa disputar as Eleições de 2022”, disse.

 

Click PB

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.