Medeiros aponta aumento de casos de covid-19 na primeira quinzena de julho

As aglomerações promovidas no primeiro fim de semana com o novo decreto que flexibiliza diversos setores na Paraíba, deverão trazer um incremento no número de casos de covid-19. A informação é do secretário de Estado da Saúde, Geraldo Medeiros, que citou as aglomerações nas cidades do Brejo, Bananeiras e Areia, assim como a comemoração do título estadual do Campinense, em Campina Grande e as lives executadas. “Isso tudo levará a um incremento no número de casos e infelizmente de óbitos que poderiam ter sido evitados se as pessoas tivessem feito o uso da máscara e do distanciamento”, disse em entrevista a uma emissora de TV da Capital.

O secretário falou que a Paraíba ainda tem uma taxa “R” de replicação viral, que é quando uma pessoa contamina a outra, acima de um. “Haverá uma piora na primeira quinzena de julho por conta das atitudes de pessoas que teimam em não usar máscara e não aglomerar dentro e fora de casa”, concluiu.

Com a chegada das próximas festividades como São João e São Pedro, o secretário destaca que, apesar da nossa tradição cultural nesse período, “não é o momento para agregar os familiares e amigos”. “Isso está ocorrendo com frequência em bananeiras, essa atitudes em qualquer local promovem adoecimento de famílias inteiras. São mais de dois mil casos diários”, comentou.

 

Marília Domingues

Assine nosso boletim de notícias

Receba gratuitamente em seu email todas as notícias que acontecem no vale do Piancó, na Paraíba e no mundo, assine já, é grátis, digite seu melhor e-mail no compo abaixo e click no botão Assinar.

Falta pouco

Confirme sua assinatura gratuita seguindos o passo a passo abaixo:

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *