Operação Alvorada: PM faz saturação na PB e busca suspeitos de homicídios em Mandacaru

A Polícia Militar deflagrou nas primeiras horas da manhã desta quinta-feira (14), a Operação Alvorada. De acordo com o comandante da PM, Coronel Euller Chaves, a operação vem responder com saturação aos crimes que vêm ocorrendo, principalmente no bairro de Mandacaru.

Em entrevista ao repórter Marcos Antônio (O Águia), no programa Tribuna Livre, o coronel Euller, que estava presencialmente participando da operação no bairro de Mandacaru, informou que esta é a primeira Operação Alvorada do ano e que se propõe a responder com saturação e presença dos agentes nas comunidades, com incursões, setpoints, patrulhamento preventivo e se necessário repressão, em toda a Paraíba.

“Buscamos uma ação preventiva na Integração, nas paradas de ônibus, nas vias onde há estatísticas que indicam assalto. Participam o BPTran (Batalhão de Policiamento de Trânsito), BPAmb (Batalhão de Polícia Ambiental), Bope (Batalhão de Operações Especiais) e Gate (Grupo de Ações Táticas Especiais)”, disse.

Em Mandacaru, a operação se concentra em buscar suspeitos de vários crimes que vêm acontecendo no bairro, incluindo o homicídio de um jovem na noite dessa quarta-feira (13).

Foto: Marcos Antônio (O Águia)/Paraíba.com.br

“Desde o primeiro fato analisamos os perfis das vítimas buscando identificar suspeitos e contribuir com a polícia investigativa. Alguns indivíduos têm relação com o tráfico, outros não, minha determinação par o comandante da área é que continue saturando, com policiamento montado e trabalho de inteligência. A resposta tem que ser dada e precisamos conter esses homicídios”, contou.

Suspeitos identificados – De acordo com o Coronel Lívio, a operação visa fazer um trabalho preventivo e também repressivo e destacou que Mandacaru é um local simbólico.

“A Polícia Militar já identificou a motivação de alguns elementos e estamos trabalhando com a inteligência, junto à Polícia Civil, para podermos dar uma resposta à população. Temos que seguir um protocolo para prender e levar à justiça e isso será feito. Nesse momento, a operação é preventiva, vamos continuar saturando e fortalecendo a área de Mandacaru, mas também Mangabeira, Bayeux, Santa Rita e toda a Paraíba. A força tarefa está agindo em conjunto com a Secretaria de Segurança Pública para conter a violência, que tem aumentado, mas vai ser contida”, garante.

 

 

 

Marília Domingues/Marcos Antônio (O Águia)

Assine nosso boletim de notícias

Receba gratuitamente em seu email todas as notícias que acontecem no vale do Piancó, na Paraíba e no mundo, assine já, é grátis, digite seu melhor e-mail no compo abaixo e click no botão Assinar.

Falta pouco

Confirme sua assinatura gratuita seguindos o passo a passo abaixo:

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *