Os enigmas do partido Cidadania na conjuntura: como conduzirá a sucessão presidencial em 2022 na PB e qual palanque construirá?

O governador João Azevêdo se mantém com desempenho de gestão atingindo índices de aprovação expressivos, o que lhe garante projeção de processo de reeleição com forte perspectiva, entretanto, se faz importante acompanhar e entender quais as diretrizes que seu partido, o Cidadania, conduzirá na Paraíba em 2022.

A dados de hoje, embora existam vários nomes lembrados à sucessão presidencial, não há como negar a polarização entre o ex-presidente Lula e o atual presidente Bolsonaro com liderança absoluta do petista no Nordeste.

Ao admitir conversa com Lula, o governador sinaliza com entendimentos no campo progressista que, em 2022, estará tendo palanque mais ampliado, ou seja, atrairá partidos de centro-direita, além dos partidos à esquerda, já cuidando da governabilidade.

Este aceno, contudo, precisará de efetividade e endosso do Cidadania no Estado sabendo-se que, mesmo com a aprovação do governador e sua gestão eficaz, ainda perdura no silêncio dos bastidores queixas na base aliada pelo distanciamento nas relações em curso. Não é problema grave, mas o partido e seu líder maior precisam encarar esta situação mais dia, menos dia.

A ESSÊNCIA POPULAR

O fato é que a legenda ainda tem de cuidar das bases populares, herdadas do PSB e sem a mesma dinâmica de antes, tanto que no último ato público em favor do “Fora Bolsonaro” não se viu o Cidadania engajado e/ou participando. Se bem que, como comprovado, muita gente não foi à manifestação pela idade e medo da Covid.

De qualquer forma, de agora em diante se faz importante acompanhar e entender os próximos passos do Cidadania em nível de Estado, como também nacional.

SÍNTESE

É deste posicionamento que será possível atestar o tamanho e futuro político do governador bem avaliado.

 

 

Wscom

Assine nosso boletim de notícias

Receba gratuitamente em seu email todas as notícias que acontecem no vale do Piancó, na Paraíba e no mundo, assine já, é grátis, digite seu melhor e-mail no compo abaixo e click no botão Assinar.

Falta pouco

Confirme sua assinatura gratuita seguindos o passo a passo abaixo:

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *