Secretário Daniel Beltrami declara que rede saúde da Paraíba está preparada para ações de vacinação

O Secretário Executivo de Gestão da Rede de Unidades de Saúde, Daniel Beltrammi, falou sobre a chegada do Brasil ao número de 200 mil mortes por Covid-19 e anúncio da compra das vacinas produzidas no Instituto Butantan pelo Ministério da Saúde que aconteceu na tarde desta quinta-feira (7).

De acordo com Beltrammi, “a notícia do Ministério da Saúde é muito importante, e estamos aguardando como autoridades sanitárias outros desfechos que também são fundamentais, agora precisamos que a ANVISA se debruce sobre as documentações do Butantan e da Coronavac, e também da Fiocruz e da vacina de Oxford. Nossa expectativa é que na semana que vem eles possam proceder com as aprovações emergenciais, dentro dos critérios de melhores práticas de segurança preconizadas internacionalmente”, afirmou em entrevista ao Programa Hora H da Pop FM.

O secretário lamentou a marca histórica atingida pelo Brasil no dia de hoje, com 200 mil mortes ocasionadas pela Covid-19. “É preciso que as pessoas entendam que a Covid-19 não pode ser menosprezada. Ela matou mais que qualquer doença nos últimos anos”, sentenciou.

Questionado sobre o armazenamento e distribuição das doses das vacinas na rede de saúde e salas de vacinação do estado da Paraíba, Beltrammi garantiu que a Secretária do Estado de Saúde coordena todas as vacinações anuais e está preparada para a imunização da população.

“Temos mais de pontos de vacinação em toda a Paraíba. Nossa rede de conservação e distribuição da vacina é muito extensa, experiente, poderosa em capacidade de resposta, e não teremos problema. Estamos apenas esperando a chegada da vacina para disparar nossas ações de vacinação”, afirmou o secretário.

 

Wscom

Assine nosso boletim de notícias

Receba gratuitamente em seu email todas as notícias que acontecem no vale do Piancó, na Paraíba e no mundo, assine já, é grátis, digite seu melhor e-mail no compo abaixo e click no botão Assinar.

Falta pouco

Confirme sua assinatura gratuita seguindos o passo a passo abaixo:

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *