Secretário prevê que Paraíba passe de pandemia para endemia no mês de abril

O secretário de Estado da Saúde, Geraldo Medeiros, durante entrevista ao Sistema Arapuan de Comunicação nesta quarta-feira (23), apontou que há uma previsão de que a Paraíba passe de pandemia para o nível de endemia da Covid-19 no mês de abril ou maio deste ano.

Durante a entrevista, Geraldo Medeiros pontuou, porém, a necessidade de avançar no processo de imunização contra a doença para alcançar o fim da pandemia. “A Paraíba é o terceiro estado que mais vacinou sua população. No entanto, ainda temos que avançar nesse processo de vacinação para que nós possamos, em definitivo, conter essa pandemia”, disse.

“E que ela, a partir de abril ou maio, possa evoluir para uma endemia, isso é, termos casos anuais num quantitativo pequeno”, concluiu Geraldo Medeiros durante entrevista ao Sistema Arapuan de Comunicação.

Entenda os níveis de classificação:

Surto: acontece quando há o aumento repentino do número de casos de uma doença em uma região específica. Para ser considerado surto, o aumento de casos deve ser maior do que o esperado pelas autoridades. Em algumas cidades, a doença passa a ser tratada como surto (e não como epidemia), pois acontece em regiões específicas (um bairro, por exemplo).

Epidemia: a epidemia se caracteriza quando um surto acontece em diversas regiões. Uma epidemia a nível municipal acontece quando diversos bairros apresentam uma doença, a epidemia a nível estadual acontece quando diversas cidades têm casos e a epidemia nacional acontece quando há casos em diversas regiões do país.

Endemia: a endemia não está relacionada a uma questão quantitativa. Uma doença é classificada como endêmica (típica) de uma região quando acontece com muita frequência no local. As doenças endêmicas podem ser sazonais. A febre amarela, por exemplo, é considerada uma doença endêmica da região Norte do Brasil.

Pandemia: em uma escala de gravidade, a pandemia é o pior dos cenários. Ela acontece quando uma epidemia se espalha por diversas regiões do planeta. Em 2009, a gripe A (ou gripe suína) passou de epidemia para pandemia quando a OMS começou a registrar casos nos seis continentes do mundo. A aids, apesar de estar diminuindo no mundo, também é considerada uma pandemia.

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.