TCE diz que 9 prefeitos, 21 vereadores e 9 assessores furaram a fila da vacinação na Paraíba

Além dos 341 CPF’s de pessoas já falecidas, como noticiado pelo Voz da Paraíba, a lista de inconsistências na aplicação de doses da vacina contra a Covid-19, produzida por auditores do Tribunal de Contas do Estado (TCE-PB), revela “peculiaridades” na classe política. Conforme o relatório, 9 prefeitos paraibanos tomaram pelo menos uma das doses, sem pertencerem aos grupos de prioritários (na época em que foram vacinados).

Os gestores se declararam como ‘”Trabalhador de Saúde”, conforme o TCE. O relatório indica que eles receberam as doses em desacordo com o plano de vacinação.

Além deles, 21 vereadores e 9 assessores de agentes políticos também foram imunizados. Eles também se declararam na categoria “Trabalhador de Saúde’” sem especificarem, contudo, as funções desempenhadas no combate à pandemia.

 

 

 

Voz da Paraíba

Assine nosso boletim de notícias

Receba gratuitamente em seu email todas as notícias que acontecem no vale do Piancó, na Paraíba e no mundo, assine já, é grátis, digite seu melhor e-mail no compo abaixo e click no botão Assinar.

Falta pouco

Confirme sua assinatura gratuita seguindos o passo a passo abaixo:

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *