Travesti é suspeita de matar motorista de aplicativo

A principal suspeita de matar o motorista por aplicativo, Ewerton Albuquerque Cruz Medeiros, de 25 anos, em um suposto assalto, na sexta-feira (31), é uma travesti. A informação foi confirmada pela delegada Elizabeth Beckhan.

O motorista havia iniciado uma corrida no bairro Nova Brasília. De acordo com a polícia, Ewerton foi atingido por três facadas desferidas a partir do banco de trás do veículo. A vítima ainda conseguiu ligar para o marido contando o ocorrido e conseguiu chegar em casa. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), foi acionado, mas o jovem não resistiu aos ferimentos e morreu na madrugada de sábado (1º).

O jovem guardava dinheiro escondido no carro, mas o celular, que estava à mostra não foi levado.

Equipes da Delegacia de Homicídios realizam buscas pela suspeita.

 

Assine nosso boletim de notícias

Receba gratuitamente em seu email todas as notícias que acontecem no vale do Piancó, na Paraíba e no mundo, assine já, é grátis, digite seu melhor e-mail no compo abaixo e click no botão Assinar.

Falta pouco

Confirme sua assinatura gratuita seguindos o passo a passo abaixo:

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *