TSE rejeita recurso de Allan Seixas e Cachoeira dos Índios terá Eleição Suplementar para prefeito e vice

O município de Cachoeira dos Índios terá Eleição Suplementar para prefeito e vice. O ministro Benedito Gonçalves, representante do STJ no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) indeferiu o registro de candidatura do prefeito eleito Allan Seixas e determinou novas eleições no município. O novo pleito será realizado apenas em 2022, considerando os prazos eleitorais praticados antes de uma votação, segundo informou ao ClickPB o TRE-PB.

Allan Seixas já estava afastado do cargo depois que o TSE considerou que ele havia assumido um terceiro mandato, já que governou Cachoeira dos Índios como prefeito por uma semana no mandato em que era o vice, e cumpriu o segundo mandato até o ano passado, depois de ter sido eleito titular para a Prefeitura Municipal, em 2016.

O ministro Benedito Gonçalves manteve o indeferimento do registro de candidatura, que já havia sido indeferido pelo Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB).

Allan Seixas foi eleito com 3.150 votos. A coligação de oposição havia apresentado petição pedindo a realização de novas eleições.

 

Click PB

Assine nosso boletim de notícias

Receba gratuitamente em seu email todas as notícias que acontecem no vale do Piancó, na Paraíba e no mundo, assine já, é grátis, digite seu melhor e-mail no compo abaixo e click no botão Assinar.

Falta pouco

Confirme sua assinatura gratuita seguindos o passo a passo abaixo:

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *