UFCG decide adotar sistema de aulas híbridas a partir de 2021

A Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), por meio da Reitora em exercício, Vânia Sueli Guimarães Rocha, emitiu nesta quarta-feira (2) uma nota sobre a adoção de um sistema híbrido de aulas intercalados em ensino remoto, por meio online e presencial enquanto durar a pandemia da Covid-19. De acordo com a nota, o ensino híbrido será iniciado no período letivo 2020.1 e será implementado em conformidade com o planejamento em curso na Câmara Superior de Ensino do Conselho Universitário.

A instituição reforça que o cenário atual da pandemia e dos avanços tecnológicos permitem a possibilidade de manutenção do novo sistema educacional. “Discussões têm apontado para a possibilidade de um sistema híbrido, em que coexistam a oferta de componentes curriculares de forma remota e a oferta de atividades presenciais, quando permitidas pelas normas de biossegurança”, explica parte da orientação.

Ainda segundo a nota, ” a decisão está respaldada pelo artigo terceiro da Portaria do Ministério da Educação Nº. 1.030, de 1º de Dezembro de 2020, que dispõe sobre o retorno às aulas presenciais e sobre o caráter excepcional de utilização de recursos educacionais digitais para integralização da carga horária das atividades pedagógicas, enquanto durar a situação de Pandemia da Covid-19″, reforça o documento.

Confira a nota na íntegra a seguir:

“A Universidade Federal de Campina Grande vem a público informar que o período letivo 2020.1 será implementado em conformidade com o planejamento em curso na Câmara Superior de Ensino do Conselho Universitário, cujas discussões têm apontado para a possibilidade de um sistema híbrido, em que coexistam a oferta de componentes curriculares de forma remota e a oferta de atividades presenciais, quando permitidas pelas normas de biossegurança.

A decisão está respaldada pelo artigo terceiro da Portaria do Ministério da Educação Nº. 1.030, de 1º de Dezembro de 2020, que dispõe sobre o retorno às aulas presenciais e sobre o caráter excepcional de utilização de recursos educacionais digitais para integralização da carga horária das atividades pedagógicas, enquanto durar a situação de Pandemia da Covid-19.

O supramencionado artigo prevê a prevalência da forma de ensino remota se as autoridades locais reconhecerem esta necessidade, tal como está disposto na Resolução N°. 220/2020 do Conselho Estadual de Educação do Estado da Paraíba.”
 

 

 

Click PB

Assine nosso boletim de notícias

Receba gratuitamente em seu email todas as notícias que acontecem no vale do Piancó, na Paraíba e no mundo, assine já, é grátis, digite seu melhor e-mail no compo abaixo e click no botão Assinar.

Falta pouco

Confirme sua assinatura gratuita seguindos o passo a passo abaixo:

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *