Valor do botijão de gás de cozinha aumenta após mais de 150 dias e já é encontrado por R$ 120 na Paraíba

Começou a vigorar, nesta sexta-feira (11), o novo valor do gás de cozinha em todo o País. Esse reajuste de 16,1% foi autorizado pela Petrobrás. O aumento no preço do botijão de 13 kg ocorre após 152 dias desde o último reajuste registrado em 08 de outubro de 2021. Na Paraíba, o produto pode ser encontrado a R$ 120.

Ao ClickPB, o presidente do Sindicato dos Revendedores de Gás de Cozinha da Paraíba (Sinregás), Marcos Antônio Bezerra, informou que, com esse reajuste, o valor médio do produto passou de R$ 105 para R$ 120 se adquirido a vista. “Se for no cartão, muitos preços sofrem aumento e fica mais caro”, frisou.

Na Paraíba, conforme o Sinregás, há 1.600 postos de revenda de gás autorizados a revender o produto. Antes de comprar o produto, uma das orientações é que os clientes façam pesquisas de preços. Além disso, Marcos Antônio ressaltou também a necessidade de se fazer a compra em revendedores credenciados.

“Comprar em locais autorizados com nota fiscal porque comprar o gás em qualquer canto, nesses postos de venda, que não tem nota, não tem nada, que são clandestinos, muitos deles podem subtrair o gás de dentro do botijão e você pelo preço mais barato, mas não tem o gás”, frisou.

Além do aumento no preço dos derivados do petróleo, a Petrobrás também reajustou o preço da gasolina e do diesel que estavam congelados nas refinarias há dois meses. O novo valor desses produtos começou a valer hoje (11), mas ontem, em alguns postos de combustíveis foi possível observar a correria para comprar o item ainda com o preço antigo.

 

 

Click PB

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.