Após três anos, Brasil volta a registrar saldo positivo na entrada de dólares na economia, diz BC

O Banco Central informou nesta quarta-feira (5) que o ingresso de dólares na economia brasileira superou a retirada em US$ 6,134 bilhões em 2021.

Na prática, este é o primeiro resultado positivo em três anos. Isso porque, desde 2018, a retirada da moeda estrangeira vinha superando a entrada. A série histórica do BC começou em 1982.

Nos últimos três anos, a retirada de dólares superou a entrada em:

  • US$ 27,9 bilhões em 2020;
  • US$ 44,7 bilhões em 2019;
  • US$ 995 milhões em 2018.

O último saldo positivo havia sido registrado em 2017, quando entraram US$ 625 milhões no país. O resultado de 2021 é o melhor em 6 anos – em 2015, a entrada de recursos na economia brasileira totalizou US$ 9,414 bilhões.

Cenários
A entrada de dólares se dá quando investidores enviam dinheiro ao Brasil para pagar por compra de produtos brasileiros ou para realizar aplicações financeiras e investimentos em empresas, por exemplo.

O dólar sai quando esses investidores retiram recursos do Brasil para, normalmente, aplicar em outros países, ou para pagar pelas importações realizadas. Essas operações ocorrem por meio de remessas feitas por bancos contratados por esses investidores.

O dólar encerrou 2021 com alta de 7,47% contra o real, cotado a R$ 5,5748. Em 2020, a moeda norte-americana avançou 29% em relação à brasileira.

Novembro e dezembro
Em 2021, as maiores saídas mensais de dólares do Brasil ocorreram em novembro e dezembro.

No último mês do ano, US$ 9,94 bilhões deixaram a economia brasileira e, em novembro, houve saída de outros US$ 3,39 bilhões.

Porém, a retirada de recursos no final do ano foi inferior à entrada da moeda norte-americana acumulada até outubro, de US$ 19,47 bilhões. Com isso, o Brasil fechou 2021 com entrada líquida de dólares na economia.

 

 

Terra

Assine nosso boletim de notícias

Receba gratuitamente em seu email todas as notícias que acontecem no vale do Piancó, na Paraíba e no mundo, assine já, é grátis, digite seu melhor e-mail no compo abaixo e click no botão Assinar.

Falta pouco

Confirme sua assinatura gratuita seguindos o passo a passo abaixo:

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *