Bancada direciona R$ 200 milhões de emendas à Paraíba; maioria é para a saúde

O coordenador da bancada paraibana no Congresso Nacional, deputado Efraim Filho (DEM), afirmou que foi confirmada nesta semana mais de R$ 200 milhões para o orçamento federal de 2022. Os recursos são fruto de quinze emendas aprovadas no âmbito do orçamento impositivo, o qual o governo tem obrigação de executar. As principais áreas contempladas foram a saúde (127 milhões), abastecimento de água (32 milhões), infraestrutura (31 milhões) e educação, com Universidades e IF (24 milhões).

Para Efraim, a bancada federal deu uma demonstração de coesão, maturidade e unidade. “Ao defender a Paraíba e buscar recursos e investimentos para o nosso Estado, as bandeiras políticas ficaram em segundo plano. O que importa é a bandeira da Paraíba”.

As emendas foram definidas a partir de reunião dos senadores e deputados paraibanos, que contou com a participação do governador João Azevêdo, do presidente da Assembleia Legislativa, deputado Adriano Galdino, do vice-prefeito de João Pessoa, Leo Bezerra, do prefeito de Campina Grande, Bruno Cunha Lima, de dezenas de outros prefeitos e vereadores, e também de representantes da UFPB, UFCG, UEPB, IFPB e PRF.

Dentre as demandas apresentadas pelo governo do Estado, a bancada aprovou os recursos necessários para iniciar a construção da Adutora do Brejo, obra estimada em R$100 milhões. O investimento garantirá o abastecimento de água em dezenas de municípios do brejo paraibano, passando por Arara, Comunidade Campinote, Esperança, Montadas, Remígio, Areial, Solânea, Bananeiras, São Sebastião de Lagoa de Roça e Casserengue.

Ainda no eixo da segurança hídrica, foi aprovado outros R$22 milhões a serem aplicados pela Codevasf na implantação de soluções de abastecimento de água.

Outra prioridade apresentada pelo governador João Azevêdo foi no sentido de alocar recursos adicionais para manutenção das ações de saúde, principalmente de média e alta complexidade, ampliadas com centenas de leitos, inclusive de UTI, instalados desde o ano passado para combate à Covid-19.

Para atender esta e outras demandas da área de saúde, foram cerca de R$127 milhões, sendo R$79 milhões para manutenção das ações de atenção básica e especializada, R$29 milhões para aquisição de equipamentos de alta complexidade e R$16,6 milhões para reformas no Hospital Universitário Lauro Wanderley (UFPB), em João Pessoa.

Wscom

Assine nosso boletim de notícias

Receba gratuitamente em seu email todas as notícias que acontecem no vale do Piancó, na Paraíba e no mundo, assine já, é grátis, digite seu melhor e-mail no compo abaixo e click no botão Assinar.

Falta pouco

Confirme sua assinatura gratuita seguindos o passo a passo abaixo:

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *