Butantan confirma vacina Butanvac; testes começam em abril e 40 milhões de doses devem ser produzidas em maio

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), e o diretor do Instituto Butantan, Dimas Covas, apresentaram, na manhã desta sexta-feira (26), a Butanvac, a vacina contra a Covid-19 que será produzida pelo Instituto Butantan (SP). Os testes clínicos devem começar em abril. Ao todo, 40 milhões de doses devem ser produzidas em maio e a vacinação deve começar em julho.

De acordo com o presidente do Butantan, Dimas Covas, a ButanVac faz parte da segunda geração de vacinas contra a Covid-19.

Os documentos para a liberação dos testes clínicos serão enviados ainda hoje para a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Segundo o governador João Doria, a Organização Mundial da Saúde (OMS) também será notificada sobre a ButanVac.

A produção da ButanVac faz parte de um consórcio que envolve a Índia e o Vietnam.

Enquanto Jair Bolsonaro faz discursos contra a ciência, o deputado federal Marcelo Freixo (PSOL-RJ) comemorou a iniciativa do Butantan.

 

 

Brasil 247

Assine nosso boletim de notícias

Receba gratuitamente em seu email todas as notícias que acontecem no vale do Piancó, na Paraíba e no mundo, assine já, é grátis, digite seu melhor e-mail no compo abaixo e click no botão Assinar.

Falta pouco

Confirme sua assinatura gratuita seguindos o passo a passo abaixo:

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *