Covid-19: Brasil registra 836 mortes em 24h; total é de 138.168

Nas últimas 24 horas, o Brasil registrou mais 836 mortes causadas pelo novo coronavírus (Sars-CoV-2), fazendo o total subir para 138.168 óbitos. Já o número de casos confirmados de contaminações chegou próximo de 5 milhões, com 4.591.604. Desse total, 33.536 casos só de ontem para hoje.

A contagem de casos realizada pelas Secretarias Estaduais de Saúde inclui pessoas sintomáticas ou assintomáticas; ou seja, neste último caso são pessoas que foram ou estão infectadas, mas não apresentaram sintomas da doença.

O ranking de número de mortes segue liderado pelo estado de São Paulo, que tem 34.266 óbitos causados pela Covid-19. O Rio de Janeiro continua em segundo lugar, com 17.798 mortes, seguido por Ceará (8.850), Pernambuco (8.055) e Minas Gerais (6.764).

Os estados que registram maior número de casos são: São Paulo (945.422), Bahia (297.805), Minas Gerais (273.233), Rio de Janeiro (253.756) e o Ceará (235.222).
Desde o início de junho, o Conass divulga os números da pandemia da Covid-19 por conta de uma confusão com os dados do Ministério da Saúde. As informações dos secretários de saúde servem como base para a tabela oficial do governo, mas são publicadas cerca de uma hora antes.
Desde o início da pandemia, mais de 31 milhões pessoas foram infectadas em todo o mundo. Do total de doentes, mais de 970 mil morreram, segundo a Universidade Johns Hopkins. O Brasil segue como o terceiro país do mundo em número de casos de Covid-19 e o segundo em mortes, atrás apenas dos Estados Unidos.
O Dia
Assine nosso boletim de notícias

Receba gratuitamente em seu email todas as notícias que acontecem no vale do Piancó, na Paraíba e no mundo, assine já, é grátis, digite seu melhor e-mail no compo abaixo e click no botão Assinar.

Falta pouco

Confirme sua assinatura gratuita seguindos o passo a passo abaixo:

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *