Famintos: Polícia Federal cumpre quinta fase da operação em Campina Grande e Sumé

A Polícia Federal na Paraíba deu cumprimento, na manhã desta quarta-feira (7), mandados de busca e apreensão no âmbito da quinta fase da Operação Famintos, que investiga desvios de recursos na Educação por servidores públicos da Prefeitura Municipal de Campina Grande, no Agreste do Estado.

As ordens judiciais foram expedidas pela Justiça Federal, após manifestação favorável por parte do Ministério Público Federal (MPF), e estão sendo cumpridas nas cidades de Campina Grande e Sumé.

Imagem reprodução – Polícia Federal cumpre mandados de busca e apreensão na quinta fase da Operação Famintos

A ação desta quarta tem foco voltado para arrecadar elementos indicativos de crimes de corrupção ativa – por parte de empresários – e corrupção passiva – por parte de servidores públicos municipais.

A operação contou com a participação de 16 policiais federais, sendo realizado o cumprimento de três mandados de busca e apreensão em residências localizadas em Campina (dois alvos) e Sumé (um alvo).

ENTENDA O CASO
A investigação visa desarticular um esquema criminoso de fraudes em licitações e contratações na cidade de Campina Grande, nos anos de 2013 até 2019, com pagamentos vinculados, principalmente, a verbas do PNAE – Programa Nacional de Alimentação Escolar.

Trata-se de um trabalho conjunto da Polícia Federal com o Ministério Público federal e Controladoria Geral da União, com o objetivo de combater fraudes em licitações, superfaturamento de contratos administrativos, lavagem de dinheiro, organização criminosa, corrupção ativa e corrupção passiva.

 

 

Wscom

Assine nosso boletim de notícias

Receba gratuitamente em seu email todas as notícias que acontecem no vale do Piancó, na Paraíba e no mundo, assine já, é grátis, digite seu melhor e-mail no compo abaixo e click no botão Assinar.

Falta pouco

Confirme sua assinatura gratuita seguindos o passo a passo abaixo:

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *