Ouvidoria do MPPB recebeu, denúncias de fura filas na vacinação contra covid-19, entre elas, Piancó e Catingueira

A Ouvidoria do Ministério Público da Paraíba (MPPB) recebeu do dia 20 de janeiro até esta quarta-feira (27), 33 denúncias de pessoas que teriam tomado a vacina contra a covid-19 sem ter prioridade na Paraíba nesse primeiro momento. João Pessoa lidera no ranking das reclamações, seguido pelos municípios de Campina Grande, Bayeux, Cajazeiras e Santa Cruz.

Do total de denúncias, uma foi em Santa Luzia, três em Campina Grande, uma em Matureia, uma em Jacaraú, duas em Cajazeiras, uma em Juarez Távora, treze em João Pessoa, uma em Patos, duas em Bayeux, duas em Santa Cruz, uma em Pirpirituba, uma em Riacho dos Cavalos, uma no Congo, uma em Pombal, uma em Piancó e uma em Catingueira.

De acordo com informações, todas as denúncias  recebidas pela Ouvidoria passam por uma triagem e são encaminhadas às Promotorias de Justiças das respectivas cidades citadas. Os promotores de Justiça têm atribuição na área da saúde para apurar devidamente as reclamações.

As pessoas podem registrar sua denúncia na Ouvidoria, através do formulário em https://ouvidoria.mppb.mp.br/public/manifestacao/cadastrar. Além disso, pode encaminhar, por meio do Protocolo Eletrônico e os canais diretos das promotorias de Justiça (telefone fixo, WhatsApp e e-mail), ou atendimento presencial. Esses canais podem ser acessados em www.mppb.mp.br/contatospromotorias.

Assine nosso boletim de notícias

Receba gratuitamente em seu email todas as notícias que acontecem no vale do Piancó, na Paraíba e no mundo, assine já, é grátis, digite seu melhor e-mail no compo abaixo e click no botão Assinar.

Falta pouco

Confirme sua assinatura gratuita seguindos o passo a passo abaixo:

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *