Polícia prende mãe e outra mulher por suspeita de exploração sexual de menina de 12 anos

Após receber denúncias pelo Disque 197, a Polícia Civil prendeu, no fim da manhã desta quarta-feira (26), duas mulheres suspeitas de atuarem no tráfico de drogas e exploração sexual de uma criança de 12 anos. A vítima dos abusos é a própria filha de uma das suspeitas.

Além das duas mulheres presas, os policiais ainda apreenderam um adolescente que estaria praticando exploração sexual contra a criança e atuando no tráfico de drogas.

Entorpecentes também foram localizados e apreendidos pela Polícia Civil. As prisões ocorreram no bairro do Gramame, em João Pessoa, e foram realizadas por equipes da Delegacia de Repressão a Entorpecentes da Capital (DRE).

Segundo informações do delegado Bruno Germano, da DRE, os policiais receberam informações do Disque 197 de que um apartamento situado em Gramame estava sendo usado como ponto de exploração sexual de uma criança e de tráfico de drogas.

“Essa mulher, a mãe, estaria corrompendo a criança para ser explorada sexualmente por outros adolescentes. Além disso, a mãe estaria corrompendo a filha para traficar drogas”, informou o delegado.

No local, a Polícia encontrou 50 papelotes de maconha prontos para o consumo, duas mudas da planta. Um adolescente também envolvido nos atos ilícitos foi conduzido para a delegacia, juntamente com a criança de 12 anos.

 

Click PB

Assine nosso boletim de notícias

Receba gratuitamente em seu email todas as notícias que acontecem no vale do Piancó, na Paraíba e no mundo, assine já, é grátis, digite seu melhor e-mail no compo abaixo e click no botão Assinar.

Falta pouco

Confirme sua assinatura gratuita seguindos o passo a passo abaixo:

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *