‘Se não tiver medidas restritivas, podemos chegar ao colapso’, diz diretor do Trauma CG

“Se não tivermos medidas restritivas e demais cuidados com a Covid-19, podemos chegar a esse colapso e os hospitais ficarem superlotados”. A afirmação é do diretor técnico do Hospital de Trauma de Campina Grande, Sebastião Viana, durante entrevista nesta segunda-feira (31). Segundo o médico, o município localizado no Agreste da Paraíba, e o Estado como um todo, ainda não colapsaram, porém, ambos estão a beira do pico da crise sanitária se medidas não forem tomadas.

“Queremos conscientizar a população de que mesmo com o suporte para ampliar os leitos, porém nossa situação é caótica, temos que evitar aglomerações, onde estamos vivendo o terceiro pico dessa doença e é extremamente preocupante. Os números de leitos estão se esgotando, as pessoas estão aglomerando e temos que ter cuidado porque os nossos entes queridos podem ser abalados pela doença”, afirmou em entrevista ao Sistema Arapuan de Comunicação.

Ampliação de leitos
Sebastião Viana apontou ainda que o Governo do Estado não tem medido esforços e investido na ampliação de leitos. Ele anunciou que a unidade hospitalar vai ampliar o número de leitos de enfermaria, aumentando a capacidade de atendimento. “O Trauma hoje tem 25 leitos para Covid, sendo 5 leitos de UDC, 5 de UTI e 15 de enfermaria. Nós vamos ampliar os leitos de enfermaria para 20. É preciso pontuar que a UDC é como se fosse um leito de UTI, totalmente ventilador mecânico, fluxômetro, monitor cardíaco, então estamos aumento nossa capacidade de atendimento”, explicou.

Edney Oliveira/Fernando Braz

Assine nosso boletim de notícias

Receba gratuitamente em seu email todas as notícias que acontecem no vale do Piancó, na Paraíba e no mundo, assine já, é grátis, digite seu melhor e-mail no compo abaixo e click no botão Assinar.

Falta pouco

Confirme sua assinatura gratuita seguindos o passo a passo abaixo:

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *