Secretários de Saúde do Brasil declaram apoio a vacinação de crianças contra covid-19 e aguardam doses para iniciar imunização

“Nenhuma outra doença matou tantas crianças e adolescentes em 2021 quanto a Covid”, diz trecho da nota do Conselho de Secretários de Saúde (Conass) ao declarar apoio à decisão da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) em aprovar a vacina da Pfizer em crianças de 05 a 11 anos.

Ao afirmar que nenhuma outra doença matou tantas crianças e adolescentes no Brasil em 2021 quanto a Covid-19, os Secretários de Saúde cobraram do Ministério da Saúde as doses para esse grupo.

Mesmo com a aprovação do uso da vacina, ainda não há previsão de quando a imunização vai começar, já que a dosagem para esse público terá uma quantidade menor do que a utilizada por maiores de 12 anos e o Brasil ainda não tem essas doses ajustadas.

“Tendo em vista que para dar início à vacinação nesta faixa etária será necessária formulação específica desta vacina com um terço da fórmula “padrão” (10 microgramas por dose), o Conass aguarda posicionamento do Ministério da Saúde quanto à sua aquisição, o que é de sua competência”, afirmou o Conass.

Em nota, o Conass revela que já há previsão para que a idade chegue aos pequenos a partir dos três anos de idade e cobrou que o Ministério da Saúde disponibilize as doses com urgência para que seja ampliada a vacinação no país.

 

 

Click PB

Assine nosso boletim de notícias

Receba gratuitamente em seu email todas as notícias que acontecem no vale do Piancó, na Paraíba e no mundo, assine já, é grátis, digite seu melhor e-mail no compo abaixo e click no botão Assinar.

Falta pouco

Confirme sua assinatura gratuita seguindos o passo a passo abaixo:

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *