UFPB abre seleção de alunos para oferecer suporte a estudantes com deficiências e bolsas chegam a R$ 500

A partir desta terça-feira (10) foram abertas as inscrições para preenchimento de 36 vagas para estudantes apoiadores de alunos com deficiência e necessidades educativas. As inscrições serão feitas online, até o dia 16 de agosto, pelo Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas (Sigaa) da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), por meio do Comitê de Inclusão e Acessibilidade (CIA).

As vagas são para os campi de João Pessoa, Areia, Bananeiras e o de Rio Tinto e Mamanguape. A convocação será imediata e também haverá formação do cadastro de reserva que será utilizado de acordo com as demandas do CIA. Segundo o edital, o valor máximo da bolsa é de R$ 500 e o aluno apoiador não poderá exceder a carga horária total de 20 horas semanais.

O candidato deve estar regularmente matriculado em cursos de graduação da UFPB e deve ser, obrigatoriamente, do mesmo Campus do aluno assistido por ele. O coordenador do CIA, Rafael Monteiro, pontuou que o candidato pode ser aluno apoiador em qualquer curso.

“Prioritariamente, quando nós do comitê vamos fazer o pareamento dos apoiadores com os estudantes com deficiência que eles vão apoiar, damos preferência de que o aluno seja do mesmo curso, não havendo esse aluno, nos abrimos para as grandes áreas”, explicou.

Os discentes poderão candidatar-se apenas para uma vaga e para um estudante de acordo com as especificações da tabela de estudantes com deficiência que necessitam de apoio. Os apoiadores selecionados acompanharão os alunos que ingressaram no semestre suplementar 2021.1 ou que ainda não possuem ou necessitam trocar de apoiador. “Trata-se de um apoio pedagógico e de um apoio na mobilidade do campus, e os selecionados terão como função realizar o acompanhamento das aulas e as demais atividades acadêmicas diretamente ligada ao curso, tendo em vista o acesso, participação e aprendizagem do estudante apoiado”, ressaltou Rafael Monteiro.

A seleção contará com três etapas: avaliação socioeconômica, capacitação e prova teórica. A primeira será uma avaliação realizada pelo Serviço Social da Pró-Reitoria de Assistência e Promoção ao Estudante (Prape), de 17 a 24 de agosto. A segunda será um encontro virtual para a discussão sobre a palestra de capacitação, em 01 de setembro. E na terceira etapa ocorrerá a aplicação da prova, virtualmente, no dia 02 de setembro, das 8h às 10h. O resultado final estará disponível no dia 17 e o início do apoio será em 27 de setembro.

Os candidatos que já foram apoiadores terão a oportunidade de aproveitar a nota obtida na prova feita durante a seleção para a qual foram selecionados (2017.1, 2017.2, 2018.1, 2018.2; 2019.1; 2019.2 e 2020.1).

O programa Aluno Apoiadores atende aos estudantes com as seguintes necessidades: física motora; auditiva; visual; Transtornos Globais de Desenvolvimento; Transtorno do Espectro Autista (TEA); Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH) e outras demandas pedagógicas.

 

 

Click PB

Assine nosso boletim de notícias

Receba gratuitamente em seu email todas as notícias que acontecem no vale do Piancó, na Paraíba e no mundo, assine já, é grátis, digite seu melhor e-mail no compo abaixo e click no botão Assinar.

Falta pouco

Confirme sua assinatura gratuita seguindos o passo a passo abaixo:

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *