Após quase cinco meses do primeiro caso de covid-19 na Paraíba, doença chega a 100% dos municípios

Após quase cinco meses do primeiro caso de covid-19 na Paraíba, doença chega a 100% dos municípios paraibanos. Os novos dados, que incluem as cidades de Ouro Velho e São Domingos, que ainda não tinham registros do coronavírus, foram divulgados nesta quarta-feira (14), conforme aponta o Informe Epidemiológico. O Informe é produzido pela Secretaria de Estado da Saúde (SES), por meio da Gerência Executiva de Vigilância em Saúde.

O primeiro caso de covid-19 foi confirmado no dia 18 de março pela Secretaria de Estado da Saúde. Tratava-se de um homem de 60 anos, residente no município de João Pessoa, que tinha histórico de viagem para Europa, retornando ao Brasil no dia 29/02. O paciente foi atendido pela rede privada, esteve em isolamento domiciliar e já está fora do período de contaminação da doença.

Já os municípios de Ouro Velho e São Domingos ficaram de fora dos locais com registro da doença. O Ministério Público da Paraíba chegou a recomendar a prefeitura a mudar a forma de testar a população no município de Ouro Velho. Já a cidade de São Domingos chegou a ter o registrado de um caso, mas a Prefeitura Municipal revisou o caso e percebeu que o paciente não residia na cidade.

“Era esperada a chegada do novo coronavírus em todas as cidades do estado. A positividade de casos nos 223 municípios é uma consequência da expansão e interiorização que temos observado da doença”, disse a gerente da Vigilância em Saúde, Talita Tavares.

Talita lembrou ainda sobre a importância do acompanhamento dos casos no interior. “Um ponto prioritário é acompanharmos a evolução da doença no interior do estado, principalmente o comportamento do agravo com a retomada das atividades em várias regiões”, observou.

De acordo com o Informe desta sexta (14), são 94.660 casos confirmados, em todo estado, 2.113 óbitos e 50.326 casos recuperados. As cidades com os maiores números de casos confirmados e óbitos, por macrorregião, são: João Pessoa, com 24.182 casos confirmados e 751 óbitos (primeira macro); Campina Grande, com 11.640 casos confirmados e 253 óbitos (segunda macro) e Patos, com 3.223 casos confirmados e 73 óbitos (terceira macro).

Entre os casos confirmados, 55% são em mulheres (52 mil) e, entre os casos mais graves, os homens lideram com 55% (2.772).

Entre os fatores de risco mais comuns, diabetes aparece em primeiro lugar; em seguida, a hipertensão arterial e, em terceiro, as cardiopatias.

Desde o início da pandemia, até agora, foram aplicados 275 mil 724 testes, entre o PCR e os testes rápidos.

 

Click PB

Assine nosso boletim de notícias

Receba gratuitamente em seu email todas as notícias que acontecem no vale do Piancó, na Paraíba e no mundo, assine já, é grátis, digite seu melhor e-mail no compo abaixo e click no botão Assinar.

Falta pouco

Confirme sua assinatura gratuita seguindos o passo a passo abaixo:

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *