Procuradoria da UFPB emite parecer por anulação de eleição para reitor

O procurador geral da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), Carlos Octaviano Mangueira, emitiu parecer pela anulação da consulta online que é parte do processo para escolher o reitor da instituição. A consulta, que foi realizada na semana passada e teve como vencedora a candidata Terezinha Domiciano.

Na última sexta-feira (28), uma denúncia anônima questionou o resultado ao apontar uma possível fraude na consulta. A informação é de que estudantes que não são regularmente matriculados na instituição teriam conseguido votar.

A Superintendência de Tecnologia da Informação (STI) da UFPB afirma que a consulta ocorreu dentro da normalidade, sem indício de fraude. A STI informou que 231 alunos matriculados em cursos de extensão votaram, mas eles tinham direito a voto, pois mantinham outros vínculos com a instituição.

 

Click PB

Assine nosso boletim de notícias

Receba gratuitamente em seu email todas as notícias que acontecem no vale do Piancó, na Paraíba e no mundo, assine já, é grátis, digite seu melhor e-mail no compo abaixo e click no botão Assinar.

Falta pouco

Confirme sua assinatura gratuita seguindos o passo a passo abaixo:

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *