Após quase um mês, concurso em Bayeux segue suspenso e indefinição gera cobranças nas redes sociais da prefeitura

Anunciado em junho deste ano, o concurso público da Prefeitura de Bayeux que oferece 568 vagas, além de cadastro de reserva, para 34 cargos em todos os níveis de escolaridade e com salários de até R$ 2,5 mil, segue indefinido.

As provas que, originalmente, estavam para acontecer nos dias 2 e 3 deste mês foram suspensas no dia 21 de setembro após um pedido de liminar do Ministério Público da Paraíba (MPPB) acatado pela Justiça.

Segundo o órgão, não foi localizado o processo licitatório para contratação do Instituto de Desenvolvimento Brasileiro (Ibid), empresa organizadora do certame. Para a realização da concurso, foi solicitado à prefeitura que realizasse uma série de ajustes respeitando os ditames legais e os princípios da moralidade, da isonomia, da impessoalidade, da transparência e da razoabilidade.

Em contato com o ClickPB, o procurador-geral do município Cecílio Ramalho disse que a prefeitura continua com a intenção de dar prosseguimento ao concurso, mas espera o resultado de uma resolução do Tribunal de Contas da Paraíba (TCE-PB) que vai avaliar a defesa apresentada pelo município.

Enquanto os entraves processuais se arrastam, publicações da prefeitura nas redes sociais são usadas pelos internautas que questionam se ainda haverá concurso na cidade. As taxas de inscrição custaram R$ 60 para cargos de nível fundamental, R$ 80 para cargos de nível médio e técnico e R$ 120 para cargos de nível superior.

Segundo o edital do certame, a cargo com maior salário é de procurador municipal, que exige curso superior em Direito e registro na OAB. Também há vagas para agente administrativo, agente de trânsito, assistente social, auxiliar de consultório dentário, auxiliar de merendeira, calceteiro, condutor socorrista, educador físico, eletricista, enfermeiro, fisioterapeuta, fonoaudiólogo, merendeira, monitor escolar, motorista, nutricionista, odontólogo, professor B (artes, ciências, educação física, ensino religioso, geografia, história, inglês, língua portuguesa e matemática), professor de libras, psicólogo, recepcionista, técnico de enfermagem (PSF e SMS) e técnico de informática.

 

 

Click PB

Assine nosso boletim de notícias

Receba gratuitamente em seu email todas as notícias que acontecem no vale do Piancó, na Paraíba e no mundo, assine já, é grátis, digite seu melhor e-mail no compo abaixo e click no botão Assinar.

Falta pouco

Confirme sua assinatura gratuita seguindos o passo a passo abaixo:

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *