Aumenta apreensão de ilícitos após mudanças feitas por novo diretor do Presídio Padrão de Catolé do Rocha

A direção do Presídio Padrão de Catolé do Rocha, sertão paraibano, está intensificando a segurança para evitar entrada de produtos ilícitos que tentam ser levados à unidade prisional por pessoas externas para os apenados.

Desde a nomeação do agente penitenciário José Junho Rodrigues, que está como diretor do Presídio Padrão de Catolé do Rocha, já foram feitas várias apreensões e até prisão daqueles que tentam entrar com drogas e material restritivo para apenados.

No início de janeiro de 2.021, uma mulher de 40 anos foi presa após tentar entrar com substância entorpecente usando uma escova de lavar roupas. Ela usou a parte de madeira para criar fundo falso e colocar a droga, mas, graças a revista bem-feita, a artimanha foi descoberta e os procedimentos realizados para coibir novas ações.

Como não se obtiveram mais êxitos usando parentes e amigos durante visitas para transportar ilícitos, as tentativas foram através de arremessos sobre os muros do Presídio Padrão de Catolé do Rocha, porém, as mudanças feitas para coibir tais atos deram certo. Em poucos dias foram apreendidos vários celulares, chips, carregadores e drogas.

Apenas em janeiro e fevereiro, as várias tentativas foram frustradas e houve perseguição por policiais e agentes a um suspeito que conseguiu escapar por dentro do matagal. O suspeito fez arremessos de objetos proibidos e depois correu dentro do mato.

“Estamos fazendo esforços e contando com os agentes e policiais da unidade! Desde que assumir em dezembro de 2.020, estamos mudando e aperfeiçoando a segurança interna e externa”, relatou Junho.

 

Jozivan Antero – Patosonline.com

Assine nosso boletim de notícias

Receba gratuitamente em seu email todas as notícias que acontecem no vale do Piancó, na Paraíba e no mundo, assine já, é grátis, digite seu melhor e-mail no compo abaixo e click no botão Assinar.

Falta pouco

Confirme sua assinatura gratuita seguindos o passo a passo abaixo:

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *