Bloqueio de rodovias em João Pessoa e Campina Grande acontece nesta segunda-feira, diz liderança de caminhoneiros na Paraíba

 

A paralisação de caminhoneiros está confirmada na Paraíba. Em entrevista ao ClickPB, neste domingo (31) uma das lideranças da categoria no estado, Albério Lima, disse que o bloqueio de caminhões acontecerá a partir da meia noite deste domingo, na Gaucinha, BR 101, próximo ao Posto Pichilau e a partir das 6 horas da manhã, na BR 104, próximo ao cemitério Campo da Paz, em Campina Grande.

“Nossa manifestação está confirmada em todo o país. Um ofício sobre o evento foi protocolado na Polícia Rodoviária Federal. Nossa paralisação é legal, estamos reivindicando o que é justo, combustível e o piso mínimo no frete”, destacou.

O ato também tem o apoio do Sindicato dos Condutores e Empregados em Empresas de Transportes de Combustíveis, Produtos Perigosos e Derivados de Petróleo da Paraíba (Sindconpetro). Segundo o presidente, Hermerson Galdino, a organização tem a liderança de caminhoneiros autônomos, mas a entidade dará o apoio aos trabalhadores. “Iremos apoiar a greve, mas não iremos liderar. Então, esse foi o encaminhado decidido em reunião de hoje”, disse.

O presidente da Associação Nacional do Transporte Autônomos do Brasil (ANTB), José Roberto Stringasci, reforçou que a adesão ao movimento pode ser maior que a última realizada em 2018, por conta da insatisfação da categoria, com o preço do diesel e pela falta de cumprimento às promessas acerca do piso nacional do frete, entre outras pautas. A ANTB representa cerca de 4,5 mil caminhoneiros, e não vê problema de realizar uma greve em plena pandemia.

 

Click PB

Assine nosso boletim de notícias

Receba gratuitamente em seu email todas as notícias que acontecem no vale do Piancó, na Paraíba e no mundo, assine já, é grátis, digite seu melhor e-mail no compo abaixo e click no botão Assinar.

Falta pouco

Confirme sua assinatura gratuita seguindos o passo a passo abaixo:

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *