Com aumento de flexibilizações, Fiocruz alerta municípios paraibanos para risco de 3ª onda da Covid-19

A Fundação Oswaldo Cruz pediu cautela aos municípios paraibanos com as recentes medidas de flexibilização no Estado. O coordenador do Infogripe da Fiocruz, Marcelo Gomes, destacou que as medidas de contenção da Covid-19 vêm sendo muito relaxadas após a recente diminuição de casos da doença na Paraíba.

De acordo com Gomes, a liberação para apresentações artísticas em bares e restaurantes, o aumento da capacidade de publico em missas e cultos, além da sensação de segurança com o avanço da vacinação e a queda dos números podem acarretar em uma terceira onda da Covid-19. Segundo especialistas, com esse comportamento de baixar a guarda antes da hora, a probabilidade de um recrudescimento dos casos é alta.

“Ainda estamos em uma situação complicada. Felizmente João Pessoa tem conseguido manter um período de diminuição de novos casos, especialmente associado a internações, mas ainda estamos num patamar muito elevado. Situações como templos religiosos, shows em bares, restaurantes, pista de dança, facilitam a transmissão. Esse tipo de coisa pode justamente colocar em risco a manutenção de queda. Se dermos azar de interromper a queda vai ser muito preocupante, será um jogo extremamente arriscado”, disse em entrevista ao blog Maurílio Júnior.

Assine nosso boletim de notícias

Receba gratuitamente em seu email todas as notícias que acontecem no vale do Piancó, na Paraíba e no mundo, assine já, é grátis, digite seu melhor e-mail no compo abaixo e click no botão Assinar.

Falta pouco

Confirme sua assinatura gratuita seguindos o passo a passo abaixo:

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *