Dois casos de violência contra a mulher são registrados nesta terça-feira

Na tarde e noite desta terça-feira (23), foram registrados mais dois casos de violência contra mulher na Grande João Pessoa. As duas vítimas sobreviveram e os suspeitos foram detidos e encaminhados à carceragem da Central de Polícia.

O primeiro caso aconteceu no bairro Castelo Branco, por volta das 17h30. Um vigilante, de 50 anos, foi preso em flagrante após ameaçar a companheira, de 52 anos. Os dois mantinham um relacionamento de aproximadamente dois anos e ela pediu medida protetiva devido a já ter sido ameaçada anteriormente.

Já por volta das 19h50 no centro de Cabedelo, região metropolitana da Capital, um homem de 29 anos foi preso após agredir e ameaçar a própria mãe. Ele teria puxado o cabelo da mulher, que gritou e foi socorrida por uma equipe da guarda Municipal que passava pelo local. O suspeito já havia sido preso em abril pelo mesmo crime, e foi detido por agresão e por descumprir as medidas protetivas. Ele estaria sob efeito de drogas e já responde a crimes como importunação e tentativa de homicídio.

Ambos os casos foram encaminhados para a Central de Polícia e os agressores aguardam audiência de custódia nesta quarta-feira (24).

Outro caso em Sapé

Ainda na noite de terça-feira, um homem, que estava separado há mais de um ano, atentou contra a vida da ex-companheira. Ele teria tentado reatar o relacionamento e ao receber a negativa, esfaqueou a mulher na região do pescoço.

De acordo com a polícia, o homem evadiu-se do local e foi perseguido por vizinhos, ele saiu pulando cercas, mas foi loaclizado e detido. A mulher foi encaminhada com ferimentos graves ao hospital e transferida para o Trauma de João Pessoa. Já o homem foi atendido com um corte de arame farpado na perna e em seguida levado sob custódia para a delegacia de Itabaiana.

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.