Homem é preso suspeito de abusar sexualmente de enteada que sofre de problemas mentais

O programa Fala cidade, da Rádio Universidade FM, trouxe na manhã desta segunda-feira (14) a informação de que um senhor havia sido preso suspeito de ter praticado abuso sexual contra a sua enteada, uma moça de 21 anos, que sofre de problemas mentais e epilepsia.

Sobre o assunto, Pabhlo Rhuan, repórter do Patosonline.com, buscou o delegado da Polícia Civil, Elcenho Leite. Segundo o delegado, a mãe da jovem procurou a delegacia na última sexta-feira, dia 11 de novembro, para registrar queixa contra o seu companheiro, um homem de 41 anos e de iniciais A.L.A., que é prestador de serviços do Complexo Hospitalar Regional de Patos como porteiro.

A mãe da vítima informou que o fato ocorreu na última quinta (10). A jovem relatou que o acusado havia apalpado e acariciado suas partes íntimas e que o caso havia ocorrido enquanto sua mãe saia para trabalhar.

Segundo a mãe, sua filha é portadora de deficiência e que a mesma tem leve deficiência mental, tem crises de epilepsia, e faz tratamento periódico.

O Delegado Elcenho Leite informou que a vítima foi submetida a Exame Sexológico, para se ter a certeza se também não houve conjunção carnal. “Ademais, convém ressaltar que, como se não bastasse a gravidade, crueldade e frieza dos fatos criminosos praticados, o investigado, conforme descrito nos depoimentos, tem praticado os atos libidinosos reiteradamente”, disse o delegado.

Diante dos fatos, foi feito o pedido a Prisão Preventiva do acusado bem como, Medida Protetiva de Urgência, que foi prontamente atendido pelo Poder Judiciário.

O acusado foi preso ontem, domingo (13) quando estava no trabalho no Hospital Regional de Patos e foi encaminhado para a Cadeia Pública de Malta, na PB.

As investigações continuam a cargo da Delegacia da Mulher aqui da cidade de Patos.

 

 

Patos Online

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.