João Azevêdo nega crise no PSB

João Azevêdo nega crise no PSB

Paraíba
Joaquim
4 de março de 2024
32

João Azevêdo, governador da Paraíba, negou, nesta segunda-feira (4), que o PSB esteja vivendo um momento de crise. Para ele, o desencontro nos discursos dos socialistas a respeito do apoio da legenda em Santa Rita representa apenas diferenças de pensamentos. Um embate foi travado após Gervásio Maia, presidente estadual do PSB, posar ao lado do prefeito Emerson Panta em uma foto publicada com a revelação de aliança. Logo depois, a cúpula governista tratou de desfazer o anúncio da suposta união.

“Não tem crise nenhuma no PSB, tem discussão, tem diferença de pensamentos e é isso que a gente vai continuar colocando. Qualquer partido tem suas discussões internas e passarão a ter, e continuarão tendo. E a gente resolve isso internamente. A gente só não resolve isso através da mídia. Eu tenho maior respeito pela mídia e vocês sabem disso, mas a discussão não é feita na mídia, a discussão é feita internamente”, disparou João Azevêdo durante entrevista à imprensa.

João Azevêdo, apesar do embate, não defendeu mudança na direção partidária e acredita ser desnecessário que ele mesmo assuma o comando do PSB no estado. “Trabalho dentro do partido e é isso que me cabe, é fazer com que a gente tenha essa condição porque são 223 municípios que precisam serem discutidos e nós iremos com muita tranquilidade tratar disso. Essa não é a principal questão. Eu fui eleito governador sem ser presidente do partido. Eu fui eleito duas vezes governador e não era presidente do partido”, enfatizou.

João Azevêdo defende conversa interna no PSB

O governador defendeu, ainda, que haja diálogo interno para se chega a um consenso. “Todo mundo discutia aqui que João Pessoa não se fecharia e está aí tudo equacionado e tudo resolvido. E não foi através de falas, de discursos. Trabalho dentro do partido e é isso que me cabe, é fazer com que a gente tenha essa condição porque são 223 municípios que precisam serem discutidos e nós iremos com muita tranquilidade tratar disso”, declarou.

Entenda o embate no PSB

Toda a polêmica dentro do PSB aconteceu depois que Gervásio Maia apareceu em uma foto ao lado de Emerson Panta com a suposta união entre os dois em Santa Rita para as eleições deste ano. Um dia depois do anúncio, integrantes da cúpula governista tratou de desmentir a aliança.

O primeiro a negar a união foi o vice-presidente da sigla socialista, Ronaldo Guerra. Ele disse que uma cidade do porte de Santa Rita requer uma discussão mais profunda dos que compõem o partido, ouvindo também as legendas aliadas.

Logo depois foi a vez do secretário de Administração e presidente do PSB de João Pessoa, Tibério Limeira, que concordou com Ronaldo Guerra acrescentando que não teve ainda nenhuma decisão sobre candidatura, apoios ou composição eleitoral na cidade de Santa Rita, nem teria ocorrido reunião da Executiva para bater o martelo em favor de qualquer candidatura naquele município.

 

Click PB

Joaquim Franklin

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

You May Also Like!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.