Ministério Público investiga remanejamento de dotações orçamentárias em prefeitura de cidade paraibana sem autorização do legislativo

A promotora de justiça Anita Bethânia Silva da Rocha decidiu que vai investigar dotações orçamentárias na prefeitura da cidade de Cruz do Espírito Santo.

Segundo documento assinado pela promotora, no ano de 2016, o prefeito da época fez o remanejamento de diversas dotações orçamentárias sem autorização legislativa, o que configuraria improbidade administrativa.

A partir de agora o Ministério Público deve apurar mais detalhadamente os fatos, individualizar as irregularidades e condutas que forem detectadas e colher provas para uma Ação Civil Pública com o objetivo de reparar o danos.

 

 

Click PB

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.