Mototaxista é preso suspeito de estuprar menina de 9 anos e gravar abuso com celular

Um mototaxista de 38 anos foi preso no sábado (23) suspeito de estuprar uma menina de nove anos e filmar o ato utilizando um aparelho celular, na cidade de Catolé do Rocha, Sertão Paraibano.

De acordo com a Polícia Civil, o suspeito é conhecido da família e dormiu na casa dela entre a noite de sexta-feira (22) e a manhã do sábado, período em que o crime teria acontecido. O delegado Homero Perazzo Filho afirmou que na manhã do sábado a criança teria ido, chorando, contar à mãe que o homem teria levantado seu vestido e tocado nas suas partes íntimas. A mãe, ao ir tomar satisfações, descobriu que ele chegou a gravar quatro vídeos da ação.

O suspeito foi detido e amarrado por vizinhos até a chegada da polícia, enquanto isso a mãe passou os vídeos para o celular dela e foi até a Delegacia de Polícia Civil de Catolé do Rocha para fazer a denúncia.

Ao prestar depoimento, na presença de familiares e um advogado, o homem negou as acusações, mas, diante das provas recolhidas, foi autuado em flagrante por estupro de vulnerável e já está à disposição da Justiça no presídio de Catolé do Rocha. O celular foi apreendido para perícia.

A criança foi encaminhada para exames no Núcleo de Medicina e Odontologia Legal de Patos e, de acordo com o laudo, não foi ferida, mas seguirá recebendo o acompanhamento necessário.

Assine nosso boletim de notícias

Receba gratuitamente em seu email todas as notícias que acontecem no vale do Piancó, na Paraíba e no mundo, assine já, é grátis, digite seu melhor e-mail no compo abaixo e click no botão Assinar.

Falta pouco

Confirme sua assinatura gratuita seguindos o passo a passo abaixo:

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *