Operação flagra trabalhadores em situação análoga à escravidão em sítio em Boqueirão

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) na Paraíba em operação conjunta com o Ministério Público do Trabalho (MPT) e órgãos públicos de Vigilância Sanitária identificaram um sítio em que trabalhadores eram mantidos em situação análoga à escravidão.

A operação iniciou quando duas mulheres que trabalhavam da plantação de frutas fizeram uma denúncia ao MPT. Elas realizavam o manuseio de agrotóxicos para pulverização da plantação quando passaram mal, sendo necessário saírem do sítio para receberem atendimento médico, momento em que aproveitaram a oportunidade para realizar a denúncia.

O Ministério Público do Trabalho e os órgãos de Vigilância Sanitária tentaram realizar a fiscalização do sítio, mas encontraram dificuldades. Os policiais do Comando de Operações Especiais (COE-PB) e Grupo de Patrulhamento Tático (GPT) da PRF em Campina Grande foram chamados para prestar apoio aos órgãos e facilitar a fiscalização.

Chegando ao local da denúncia, foi constatado que 14 pessoas trabalhavam em situação análoga à escravidão, dentre elas uma criança de nove anos que pilotava uma motocicleta pulverizadora. No lugar, não havia condições mínimas de higiene e estadia. As instalações onde os trabalhadores dormiam eram precárias e as condições de realização do trabalho eram inseguras. Os proprietários do sítio traziam trabalhadores do estado da Bahia com a promessa de emprego digno.

Todas as pessoas identificadas como trabalhadores em condições análogas à escravidão foram resgatas, receberam o apoio necessário e breve voltarão para suas casas na Bahia. Três pessoas, que são sócios do empreendimento, foram autuadas e deverão responder de acordo com as normas jurídicas que regem as relações entre empregados e empregadores.

A Polícia Rodoviária Federal permanece vigilante para cumprir a missão de promover a prosperidade da Nação, atuando de forma integrada com outros órgãos em defesa da dignidade dos trabalhadores brasileiros.

Assine nosso boletim de notícias

Receba gratuitamente em seu email todas as notícias que acontecem no vale do Piancó, na Paraíba e no mundo, assine já, é grátis, digite seu melhor e-mail no compo abaixo e click no botão Assinar.

Falta pouco

Confirme sua assinatura gratuita seguindos o passo a passo abaixo:

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *