colegio mesquita

Paraíba lidera volume de vendas do varejo no País, mostra IBGE

Paraíba lidera volume de vendas do varejo no País, mostra IBGE

Paraíba
Joaquim
12 de janeiro de 2023
4

As vendas do comércio paraibano, no mês de novembro, registraram o maior crescimento do País tanto no volume de vendas, como também no varejo ampliado, apresentando taxas expressivas, assim como foram nos meses de agosto, setembro e outubro do ano passado.

Dados da Pesquisa Mensal do Comércio divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) mostram que o volume de vendas expandiu 32,2% em novembro, quando comparado com o mesmo mês de 2022, enquanto o País apresentou alta com taxa bem mais modesta de 1,5%.

Segundo pesquisa do IBGE, o indicador do volume de vendas nos últimos quatro meses da Paraíba alcançou taxas expressivas no varejo em relação ao ano anterior: agosto (35,6%), setembro (41,8%), outubro (31,3%) e novembro (32,2%), apontando a recuperação econômica do setor no período de fim da pandemia. No acumulado de janeiro a novembro, o varejo apresenta alta de dois dígitos: 12,9%, enquanto no País o crescimento acumulado do ano é também bem modesto (1,1%).

Frente a novembro de 2021, o varejo apresentou cinco setores com resultados positivos: Combustíveis e lubrificantes; Artigos farmacêuticos, médicos, ortopédicos e de perfumaria; Móveis e eletrodomésticos; Hiper, supermercados; produtos alimentícios, bebidas e fumo;  e Livros, jornais, revistas e papelaria. Já outras três atividades apresentaram queda: Tecidos, vestuário e calçados; Outros artigos de uso pessoal e doméstico; e Equipamentos e material para escritório, informática e comunicação.

COMÉRCIO AMPLIADO – No indicador do varejo ampliado, que inclui as atividades de veículos e motos, a Paraíba também liderou com taxa acima de dois dígitos (22,5%), seguido dos Estados de Amapá (16,6%) e Roraima (11,0%). Por outro lado, pressionando negativamente, destacam-se Pernambuco (-13,5%), Bahia (-10,4%) e Sergipe (-6,6%), enquanto o País teve um leve crescimento de apenas 0,3%. No acumulado de janeiro a outubro, a Paraíba apresenta alta de 5,4% e o País amarga uma queda de 0,5%.

Considerando o comércio varejista ampliado, o indicador teve resultados positivos em 16 das 27 Unidades da Federação, com destaque para Paraíba (22,5%), Amapá (9,9%) e Tocantins (8,4%). Onze unidades da Federação ficaram no campo negativo, com destaque para Pernambuco (-14,9%), Bahia (-9,7%) e Ceará (-5,8%).

 

Click PB

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.