Paraíba registra, em agosto, melhor resultado do ano na geração de empregos com todos os setores em saldo positivo

A Paraíba registrou, no mês de agosto, o melhor resultado do ano de 2022 na geração de empregos. De acordo com dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério da Economia, todos os setores tiveram saldo positivo. O estado gerou 5.913 postos formais, segundo dados obtidos pelo ClickPB.

Foram 20.058 admissões contra 14.145 demissões, o que resultou em saldo positivo de quase seis mil pessoas empregadas.

Os setores da indústria (2.369) e de agropecuária (2.180) lideraram o saldo de vagas do mês de agosto, seguido mais atrás de construção (+544), serviços (+521) e comércio (+299).

O mês de agosto, além de ter o melhor saldo do ano, foi o sexto mês seguido positivo de saldo de emprego com carteira assinada. Além de agosto (5.913), os meses de março (729), abril (2.378), maio (3.032), junho (3.602) e julho (4.130) também registraram saldo positivo.

No acumulado de janeiro a agosto deste ano, a Paraíba já acumula saldo de 17.233 postos de trabalho, diferença de 132.000 admissões contra 114.767 desligamentos. A Paraíba acumula um estoque total de 441.597 de vagas de empregos com carteira assinada, alta de 1,33% no estoque do mês de agosto.

A região Nordeste apresentou o segundo saldo positivo de agosto (+66.009 postos), ficando atrás apenas da Região Sudeste (137.759 postos), que liderou o saldo em agosto entre as cinco regiões.

As outras três regiões vieram depois: Sul (35.032 postos), Centro-Oeste (+21.515 postos); e Norte (18.171 postos). Em agosto, o Brasil registrou um saldo de 278.639 empregos com carteira assinada.

 

 

Click PB

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.