Polícia autua em flagrante vereador acusado de violência doméstica na Paraíba

A Polícia Civil da Paraíba, pela Delegacia de Homicídios e Entorpecentes de Patos, sob a coordenação do delegado titular, Renato Leite, na tarde dessa quarta-feira (16), autuou em flagrante um vereador de Várzea-PB, de 41 anos, cuja identidade não foi revelada por imposição legal, por descumprimento de medidas protetivas.

A ex-companheira do parlamentar, alegou que sofreu ameaças na sexta-feira (11), procurando a Polícia Civil para que lhe prestasse assistência. Foram concedidas medidas protetivas pelo Judiciário, mas desde a decisão, o vereador descumpria a ordem judicial reiteradamente.

A vítima prestou novos esclarecimentos e demonstrou que o ex-companheiro, na quarta-feira, mais uma vez quebrou as medidas protetivas, estando em flagrante delito. Disse ainda que o ex-companheiro possuía arma de fogo. Assim, após diligente trabalho investigativo, o vereador foi localizado por policiais civis da DHE, conduzido e autuado pelo crime de descumprimento de medidas protetivas, mas a arma de fogo não encontrada.

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.