Polícia prende homens acusados de torturar, estuprar e jogar gasolina em mulher na Paraíba

Dois homens foram presos no último domingo (21) acusados de terem cometido uma tentativa de feminicídio e um estupro, no município de Ingá. A prisão foi realizada pela Polícia Civil por meio da delegacia seccional de Itabaiana, após um vídeo da vítima pedindo ajuda ter circulado.

Segundo o delegado, Danilo Orengo, a vítima narrou que os meliantes iriam atear fogo nela, pelo fato da mulher conhecê-los, inclusive jogaram gasolina nela. “O crime aconteceu em Itatuba, e depois dentro da cidade de Ingá teve as agressões físicas e tentaram atear fogo nela, além dos abusos sexuais”, informou ao ClickPB.

Com a situação, a vítima correu, no momento de descuido dos acusados, e entrou numa casa suplicando por socorro.

Após tomar conhecimento dos fatos os policiais civis começaram as diligências e localizaram a vítima do crime, que deu mais informações sobre a ação.

A polícia civil prendeu um dos autores e a partir dele conseguiu chegar a um outro homem que também participou da ação. Segundo Danilo, “eles foram encaminhados para a delegacia de Itabaiana e autuados em flagrante delito pelo crime de tentativa de feminicídio”. A prisão em flagrante foi convertida em prisão preventiva.

 

 

Click PB

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.