Presidente do TRE-PB enfatiza tranquilidade do segundo turno e diz que não foi encontrada interferência da PRF no pleito

O presidente do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB), desembargador Leandro dos Santos, comemorou no início da noite deste domingo (30) o sucesso da organização do segundo turno das eleições 2022 no estado. Conforme apurou o ClickPB, durante uma coletiva de imprensa no edifício-sede do tribunal, ele enfatizou que “hoje foi realmente uma festa da democracia”.

“Uma eleição tão esperado do ponto de vista do que a polarização gerou, todo mundo dizia que ia ter guerra no primeiro turno, as brigas de ideologias antagônicas, de grupos antagônicos, e a gente viu esse clima de tranquilidade no primeiro turno, e hoje foi realmente uma festa da democracia” disse.

Ele lembrou que não eram encontradas nas ruas, pessoas fazendo aglomeração, com movimento tranquilo e nas seções. Um cenário diferente do primeiro turno, onde foram registradas longas filas. “Nas seções eleitorais também, nem filas ocorreram para atrasar o sistema de votação, a apuração está ai eu acho que está perto de atualizarmos, entre os primeiros estados do Brasil”, citou.

Sobre uma possível interferência de fiscalizações (blitz) da Polícia Rodoviária Federal (PRF) que pudesse ter aumentado o número de abstenções, o desembargador disse que o que houve foi uma interpretação de algumas pessoas, no sentido de uma fala do ministro Alexandre de Moraes, porém não foram constatadas interferências. “Houve apenas uma intepretação de algumas pessoas, no sentido da decisão do ministro do TSE, que depois o ministro Alexandre de Moraes se pronunciou, e reconheceu que não houve nenhuma interferência das operações realizadas para o processo de votação. Ninguém ficou sem votar porque indevidamente retido”, disse.

 

 

Click PB

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.