Preso em Campina Grande suspeito de integrar grupo criminoso em São Paulo

Um homem suspeito de integrar uma organização criminosa especializada em jogos de azar na cidade do Guarujá, em São Paulo, foi preso em uma mansão com vários objetos de luxo no bairro do Catolé, em Campina Grande. O homem, é investigado pelo Ministério Público de São Paulo.

A prisão aconteceu em decorrência do trabalho de articulação da Delegacia de Repressão ao Crime Organizado (DRACO) da Polícia Civil, e o Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado do Ministério Público (GAECO), nos estados da Paraíba e de São Paulo.

De acordo com o delegado Diego Beltrão, o suspeito pretendia mudar de estado para ampliar o negócio ilícito em Recife, Pernambuco.

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.