Vacina da dengue deve chegar à Paraíba em fevereiro

Vacina da dengue deve chegar à Paraíba em fevereiro

Destaque Paraíba
Joaquim
19 de janeiro de 2024
44

A vacina da dengue deve chegar à Paraíba no mês de fevereiro. Esta é a expectativa do Ministério da Saúde, de acordo com o representante do MS, na Paraíba, Felipe Proenço. Alguns pontos ainda estão em discussão com estados, municípios e comissões. Por isso, a data exata ainda não foi definida. A vacina, como apurou o Click PB, deve priorizar o público com idade entre 6 e 16 anos.

O Brasil é o primeiro país no mundo que está incorporando a vacina da dengue. Por isso, segundo Proenço, ela está passando por uma avaliação bastante criteriosa na Comissão do Sistema Único de Saúde (SUS), que avalia a incorporação de tecnologias.

Foi submetida a uma consulta pública também para receber mais avaliações. No final do ano passado, a Comissão aprovou o uso da vacina da dengue, sabendo que haveria necessidade de produzi-la ao longo do ano de 2024.

“Com base nessa aprovação, se reuniu com uma comissão de especialistas nesta semana, no Ministério da Saúde, para avaliar a questão da faixa etária, do público que vai receber a vacina. Entre esses especialistas foi referendada a indicação da Organização Mundial de Saúde (OMS) que estimula priorizar a população de 6 a 16 anos, exatamente por causa desse efeito que a vacina tem de reduzir a transmissão e as hospitalizações”, disse.

A partir desta avaliação da Comissão de Tecnologia e da recomendação da OMS, vai ser discutida agora, em mais um momento, junto com estados e municípios, a distribuição nas localidades.

Para isso, de acordo com Felipe Proenço, há um momento com a Comissão Intragestores Tripartite, que discute esse calendário. “Mas, desde a incorporação, no final do ano passado, e agora com essa reunião dos especialistas, tem se trabalhado com a perspectiva de iniciar a vacinação no mês de fevereiro”, revelou.

O representante do Ministério da Saúde, na Paraíba, enfatizou que são pontos que estão sendo discutidos com os estados e municípios dentro do Programa Nacional de Imunização que, este ano, conseguiu aumentar as coberturas vacinais depois de seis anos de queda.

“Assim que tivermos mais informações dessas reuniões com os estados e municípios, o Ministério da Saúde vai divulgar amplamente os próximos passos para termos mais essa possibilidade de estratégia de combate à dengue, o que mantém a necessidade de que a população mantenha o cuidado com água parada, com a proliferação do Aedes aegypti e evite isso para prevenir também os casos de dengue”, concluiu.

 

Click PB

Joaquim Franklin

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

You May Also Like!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.